Anúncios

::Como lutar contra a crise?::

Estou muito curiosa pra saber que medidas têm sido adotadas pelos governos/empresas pelo mundo afora para conter parte dos efeitos da crise atual.

Aqui o governo alemão tem um instrumento muito interessante (“Kurzarbeit” ou trabalho reduzido) que se resume à redução da jornada de trabalho com o pagamento de uma compensação salarial equivalente a 60/67% (dependendo se a pessoa tiver filhos ou não), que é relativa à diferença entre o salário anterior e a carga horária reduzida. Se um funcionário trabalha 10% a menos, recebe um salário líquido de só 3% menor, se ele fica metade do tempo em casa (50% de redução da jornada de trabalho), recebe, dependendo de sua “classe de impostos”, aproximadamente 16-17% do salário líquido anterior. Há ainda empresas que estão reduzindo adicionalmente a carga horária semanal e planejando pausas na produção durante fases específicas (férias prolongadas no Natal, Carnaval, etc.).

O governo também está oferecendo vários cursos de formação profissional, para que os funcionários se qualifiquem durante este tempo em que estão trabalhando menos. O governo chega a pagar 80% do custo dos cursos, e o empregador também economiza com esta medida, com relação aos encargos trabalhistas da compensação relativa à redução da jornada de trabalho. É, portanto, uma medida onde todas as partes saem ganhando.

O instrumento da redução da jornada de trabalho com o subsídio do governo pode durar, segundo as leis, até 18 meses. A combinação entre subsídio e qualificação da mão-de-obra me parece uma excelente combinação. Acho que não existe nada parecido no mundo, pelo menos não conheço (ainda) nada parecido. Existe um sistema parecido com este na Suíça e na Itália. O governo daqui está, portanto, investindo pesado para evitar as demissões em massa.

Muitas outras medidas no sentido de aquecer o mercado interno estão sendo implementadas aqui também, mas só o imposto de renda foi reduzido até agora. A decisão do Brasil de reduzir os impostos sobre a produção de carros (IPI) me parece uma das mais acertadas até o momento. Aqui tiveram a idéia de oferecer 2.500 euros para quem quiser trocar de carro e este tiver 9 ou mais anos de idade, mas o alemão analisa as ofertas a fundo e muitos chegaram à conclusão que nao vale a pena, ainda mais porque um carro de 9 anos de idade ainda vale os tais 2.500 euros oferecidos…

E no seu país/na sua região/na sua empresa, que medida está sendo tomada e está mostrando resultados positivos?

Tags: , , , , , , , , , ,

3 Respostas to “::Como lutar contra a crise?::”

  1. Paula Says:

    menina você viu as últimas noticias do caso da Paula? Pelo visto ela já assinou seu depoimento confessando que inventou tudo! Mais um pra queimar nosso filme por aqui. Coitada da próxima que realmente sofrer alguma agressão e recorrer a polícia lá na Suiça!

    sobre viajar para ir a um encontro com pessoas desconhecidas: já fiz isso inumeras vezes, uma vez indo até Stuttgart. Nunca me arrependi, conheci muita gente legal.

    • Sandra Santos Says:

      Oi Paula,
      Nao vi ainda nao, vou procurar a notícia na net.
      Que legal, um dia nós nos conhecemos pessoalmente, certo? E sobre a crise, vc também trabalha, qual é sua experiencia/opiniao pessoal?
      Um beijo,
      Sandra

  2. ceci Says:

    oi sandrinha, no meu caso valeu a pena sim! nosso carrinho valia no maximo 500 euros! nos compramos um novo, demos o velhinho e ainda conseguimos uns descontinhos. Agora e esperar, em breve receberemos os 2500 euros do governo! ;D Ah, sem dizer que quando o Andi comprou o carro ha muitos anos atras ele scustou 10000 marcos ouseja 5000 euros e agora vamos ganhar a metade do preco dele (2500) apos 25 anos ;D achei o maximo ! mas juro que me deu pena de entregar o Käfer ;D beijinhos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: